Blog post

#PeãoUrgente: Morte de Marciano: música sertaneja perde uma lenda

3.8 (76%) 5 votes

Cantor morreu aos 67 anos, em São Caetano do Sul,  (SP), deixando um legado de sucessos marcantes da música sertaneja

Na última sexta-feira (18), o universo sertanejo sofreu com a notícia da morte do cantor Marciano, da dupla João Mineiro e Marciano. Considerado um dos maiores cantores da história da música sertaneja, José Marciano morreu aos 67 anos, na cidade de São Caetano do Sul, no estado de São Paulo. A família do cantor informou que ele foi vítima de um infarto e morreu em casa, dormindo, na madrugada de quinta para sexta-feira.

O rompimento com o companheiro de dupla, João Mineiro, com quem cantava desde os 16 anos de idade, aconteceu em 1993, quando ambos seguiram carreira solo. A separação não foi nada amigável e Marciano só voltou a falar do ex-companheiro em 2012, quando João Mineiro faleceu. Atualmente, Marciano ainda estava na ativa, formando dupla com Milionário, outro ícone da música sertaneja, que também perdeu o companheiro, José Rico, em 2016.

Carreira

Dos anos 1970 a 1990, João Mineiro e Marciano foi uma das duplas de maior sucesso no Brasil. Grandes hits, que são hinos até hoje, como “Ainda Ontem Chorei de Saudade”, “Seu Amor Ainda é Tudo” e “Se Eu Não Puder Te Esquecer” foram gravados pela dupla. A dupla chegou a sair em turnê pelos Estados Unidos, além de ter tocado por todos os lugares do Brasil.

Como compositor, escreveu cerca de 150 músicas, que foram gravados por ele em parceria com João Mineiro, mas também por outras duplas sertanejas. Uma das canções de maior sucesso da música sertaneja, gravada por Chitãozinho e Xororó, em 1982, “Fio de Cabelo”, é uma composição de Marciano, em parceria com Darci Rossi. A música estourou em todo o país e se tornou uma das mais regravadas da música sertaneja, tendo sido cantada por mais de 40 artistas.

Ao longo da carreira, em parceria com João Mineiro, foram mais de 10 milhões de discos vendidos. E, em 2004, em carreira solo, Marciano foi indicado ao Grammy Latino, na categoria “Melhor Disco de Música Romântica”, com o álbum “Meu Ofício é Cantar”. O último trabalho lançado foi o DVD “Lendas – Ao Vivo”, de 2016, com Milionário, trazendo diversas participações especiais dos maiores nomes da música sertaneja.

Com a morte de Marciano, o “inimitável”, a música sertaneja perde mais um gigante, de voz inconfundível e que deixará saudades e um legado de canções que ficará para sempre na história.

Agora, conta pra gente, qual foi a música do João Mineiro e Marciano que marcou a sua vida?

Leia mais: Relembre 7 cantores sertanejos que já se foram

Comente aqui!

Post anterior Próximo post