Blog post

Padroeira do Rodeio: conheça as músicas sertanejas que falam sobre Nossa Senhora

Dê sua nota!

Veja as modas mais bonitas dedicadas a ela e também a oração completa para Nossa Senhora

Na cultura sertaneja, a devoção por Nossa Senhora Aparecida é muito grande. Cowboys e cowgirls sempre encontram na santa o amparo em situações difíceis. Nossa Senhora se tornou a Padroeira do Brasil e também do rodeio. Nas arenas, os peões pedem a proteção dela antes de subir no lombo do cavalo ou do boi. Esse é um dos momentos mais bonitos e emocionantes da festa.

Além disso, muitos cantores sertanejos fizeram lindas homenagens à santa em suas músicas. E já que no dia 12 de outubro, no Brasil, além do Dia das Crianças, é comemorado o Dia de Nossa Senhora, conheça algumas modas que não podem faltar na celebração.

Nossa Senhora na música sertaneja

No mundo da música sertaneja, a devoção a Nossa Senhora Aparecida é muito forte. Vários artistas e duplas já fizeram músicas em homenagem a ela. Os locutores de rodeio, no momento da entrada da imagem de Nossa Senhora na arena, recitam poemas lindos dedicados à santa e emocionam pessoas de qualquer religião.

As modas falam do amor e respeito pela santa, dos milagres, da fé e de promessas cumpridas pelas graças alcançadas. A dupla Chitãozinho e Xororó gravou uma composição de Roberto Carlos, nos anos 1990. É uma das músicas mais conhecidas em homenagem a Nossa Senhora Aparecida e ficou famosa também na voz do cantor Daniel.

“Cubra-me com seu manto de amor, guarda-me na paz desse olhar”, diz a letra. Coisa linda!

Rick e Renner também cantaram: “Ô, Senhora Aparecida, rainha da minha fé. A força de quem é forte, escudo de quem não é”, que tem letra original de Gino e Geno.

E no sertanejo raiz, Tonico e Tinoco já declaravam sua fé em Nossa Senhora, falando de Aparecida do Norte na voz e viola. “Não tenho melancolia, tenho saúde sou forte. Tenho fé em Nossa Senhora da Aparecida do Norte”, aooow, tempo bão desses dois!

Encontrada no Rio

Há mais de trezentos anos, em 1717, um grupo de pescadores encontrou a imagem da santa no Rio Paraíba do Sul, lá na região do Vale do Paraíba, no estado de São Paulo. O que chamou muito a atenção dos pescadores, logo de cara, foi a cor da estátua, que era negra.

Na época, o Brasil passava pelo período de escravidão. Então, a Virgem Maria negra que eles encontraram foi como uma espécie de sinal. Um pedido de respeito e amor ao próximo, principalmente aos escravos negros, tão maltratados pelos donos das terras.

A história é a seguinte: a pescaria estava fraca, não vinha nada na rede, porque a época não era boa. Até que os pescadores puxaram na rede a cabeça de estátua da Virgem Maria. Logo em seguida, jogaram a rede de novo e veio o restante do corpinho da santa. Depois, quando jogaram mais uma vez, foi peixe que não parava mais. Encheram o barco com tanto peixe que caiu na rede.

Como a santa foi achada no rio, deram o nome de Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Então, começaram a surgir devotos de todo canto do Brasil e relatos de vários milagres e graças alcançadas e capelas foram sendo construídas em homenagem a ela.

Rainha do Brasil

Em 16 de julho de 1930, o Papa Pio XI proclamou Nossa Senhora como Rainha do Brasil e Padroeira Oficial do país. A basílica de Aparecida do Norte, o Santuário Nacional de Nossa Senhora, é um dos maiores templos religiosos do mundo inteiro e foi construído em 1955.

A data em homenagem à santa, 12 de outubro, foi definida por lei, em 1980, quando foi declarado feriado nacional para culto público e oficial a Nossa Senhora. No mesmo ano, o  Papa João Paulo II esteve pela primeira vez no Brasil e consagrou a Basílica de Nossa Senhora Aparecida.

Os devotos têm uma oração especial, para demonstrar sua fé na Santa. Veja a oração completa, que faz parte da tradição dos rodeios pelo Brasil!

Oração de Nossa Senhora

Ó incomparável Senhora da Conceição Aparecida. Mãe de meu Deus, Rainha dos Anjos, Advogada dos pecadores, Refúgio e Consolação dos aflitos e atribulados, ó Virgem Santíssima; cheia de poder e bondade, lançai sobre nós um olhar favorável, para que sejamos socorridos em todas as necessidades. Lembrai-vos, clementíssima Mãe Aparecida, que não se consta que de todos os que têm a vós recorrido, invocado vosso santíssimo nome e implorado vossa singular proteção, fosse por vós algum abandonado. Animado com esta confiança a vós recorro: tomo-vos de hoje para sempre por minha Mãe, minha protetora, minha consolação e guia, minha esperança e minha luz na hora da morte. Assim pois, Senhora, livrai-me de tudo o que possa ofender-vos e a vosso Filho meu Redentor e Senhor Jesus Cristo. Virgem bendita, preservai este vosso indigno servo, esta casa e seus habitantes, da peste, fome, guerra, raios, tempestades e outros perigos e males que nos possam flagelar. Soberana Senhora, dignai-vos dirigir-nos em todos os negócios espirituais e temporais; livrai-nos da tentação do demônio, para que, trilhando o caminho da virtude, pelos merecimentos da vossa puríssima Virgindade e do preciosíssimo Sangue de vosso Filho, vos possamos ver, amar e gozar na eterna glória, por todos os séculos dos séculos. Amém.

 

Agora conta aí, você também é devoto ou devota de Nossa Senhora Aparecida? Conhecia a história da santa? Fala para a gente nos comentários.

Leia mais: Nossa Senhora Aparecida: conheça a história da protetora dos peões

Comente aqui!

Post anterior Próximo post